o aviador irlandês

Walt Whitman à porta dos Congregados

O velhote pára no semáforo e visto assim, com esses olhos verdes de esgazeado e a barba hirsuta, parece mesmo o Walt Whitman. Olha para cima, calcula quanto tempo até ao próximo aguaceiro, aconchega o casaco que lhe fica dois ou três números acima.

Pela sua direita aproxima-se o homem motorizado, do alto do seu palanque móvel, o dedo sempre irrequieto a dar voltas ao bicho nervoso – é o cavaleiro do Segway negro. Aqui se juntam no semáforo, ao lado da estátua desse Ardina que há-de vender sempre o mesmo jornal até que a cidade se desmorone ou ninguém recorde mais que criatura ele representa.

Este é o delta da baixa, aqui confluem Liberdade, Sá da Bandeira, 31 de Janeiro, Almeida Garret. Há sempre alguma coisa em obras, as passadeiras figuram eternamente nessas cores berrantes que nos avisam que amanhã já estarão noutro sítio. Circulam vendedores de castanhas, cauteleiros, ciganas a vender meias, um tipo que caminha com o jeito trémulo e febril dos ressacados, o doutor empoleirado no Segway, meio metro acima do resto das cabeças.

O Walt Whitman saca do bolso da camisa um lápis minúsculo, de bico rombo, e um papel muito amarelo e dobrado em mais partes que um boletim de voto e põe-se a escrever qualquer coisa com o papel apoiado na palma da mão esquerda e o cantinho da língua – muito vermelho naquela cara morena e suja – a espreitar da boca.

Aqui no delta, com os Clérigos lá em cima – nosso senhor abençoe a nossa torre, ámen -, a árvore de magnólia nua frente aos Congregados, o hotel que há-de ser de luxo e onde nunca entrarás, a arruinada descida para o rio que se abre frente a nós, o Segway a rodopiar como um bicho infernal à nossa volta, enquanto o semáforo não acende o verde, eu podia dizer-te, Walt, que sei quem és, e que és grande, conténs multidões, e por isso aqui estás, mendigo em cidade estranha, tão só e tão cheio de ti mesmo e do mundo que eles desconhecem. Por isso te saúdo, Walt, sem-abrigo da minha cidade.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on Maio 20, 2011 by and tagged , , , .

Navegação

%d bloggers like this: